O alimento do caos

 

 

A palavra “caos” só é usada quando nos deparamos com uma situação de total desordem sem solução próxima aparente. Neste caso, notamos o caos porque ele nos atrapalhou de alguma maneira, impediu nossa chegada no horário, a informação foi passada erroneamente e provocou um efeito diferente do esperado, etc.
Mas a questão é: O que é preciso para que o caos seja notado?
Podemos perceber que, uma situação que é caótica para alguns pode ser absolutamente normal para outros.
Vivemos numa era em que as transformações são rápidas e constantes, o que é urgente hoje, amanhã não tem a menor importância. Então por que o caos? Numa constatação rápida, podemos dizer que o caos é o fruto de uma partícula minúscula de energia turbulenta.
A falta de autoconhecimento e compreensão ou aceitação desta força, mesmo numa escala microscópica, impede que o ser humano entenda o tamanho do seu poder.
O ser humano vai se afastando do seu presente, do seu aqui e agora. Consequentemente, ele perde sua capacidade intuitiva e de discernimento que devem ser unidas em tempo integral. O que chamamos de Atitude Meditativa, ser capaz de estar presente de corpo, mente e espirito.
Uma vez presente o indivíduo sente e raciocina mais claramente e tem respostas mais rápidas para situações que podem se tornar caóticas.
Uma pequena situação que te deixou contrariado pode se transformar num caos logo ali na frente. A todo momento, e não podemos fugir disso, estamos interagindo com muitos seres e cada um na sua luta em defesa do que considera certo ou seu direito. E esta batalha vem se tornando cada vez mais agressiva.
Aquele que não está presente integralmente, acaba por ficar sem ferramentas para saber desviar ou contornar as manifestações contrárias ao bem comum.
Entender que tudo o que está acontecendo a nossa volta é o resultado das nossas ações em nível espiritual, mental e físico. Tudo o que acontece no mundo é fruto do movimento energético universal, que em contato com o homem assume uma condição, e esta condição vai provocar efeitos positivos ou negativos.
O caos se alimenta da energia transformada pela condição humana.

Om namah Shivaya!!!!!!!!!!

Professor Reneu Zonatto